Aparato do Entretenimento: Estreia de "A Garota da Moto" mostra avanço no setor de teledramaturgia do SBT

style='border:none;overflow:hidden;width:339px;height:200px;'>
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Search

Estreia de "A Garota da Moto" mostra avanço no setor de teledramaturgia do SBT

Logomarca oficial 
A TV brasileira está repleta de novas produções, investimentos estes, muitas vezes trazidos através de parcerias entre produtoras independentes, inserções do governo (na busca de cultura e conteúdo próprio) e o trabalho efetivo das emissoras.

Christiana Ubach, vive Joana em "A Garota da Moto"
A mais recente aposta deste segmento é a série: "A Garota da Moto". Produzida pela Mixer e com a co-produção do SBT e Fox Life, o produto mostra o cotidiano da moto girl Joana, interpretada pela jovem atriz Christiana Ubach, que sofre nas mãos da inimiga Bernanda, vivida pela experiente Daniela Escobar na tentativa de proteger seu filho das garras da megera. 


Recém estreada na noite de ontem (13/07), a série dividiu opiniões na internet, enquanto a grande maioria elogiava quesitos como interpretação, fotografia, qualidade e arranjo musical, outros apontaram erros de sequência em algumas cenas, excesso de rapidez nos fatos e inconsistência com a realidade. 


As vias de fato justificaram os meios, Joana mostrou a que veio, manteve a audiência do horário, atingindo picos de audiência que alcançaram a casa dos dois dígitos. Um fato ainda melhor foi a "conversação" do público, que hoje pode discutir a respeito da valentia da guerreira de São Paulo. Virou assunto nas rodinhas de trabalho. 


O mérito é grande, "A Garota da Moto" trouxe ousadia para o horário requentado, consolidado até então pelo enlatado de "Carrossel". Investimento em fotografia, qualidade visual, delineamento e contraste ao discursar sobre um assunto tão delimitante no Brasil. 


A julgar pelo piloto (roteiro meio que mexicanizado), a série tem tudo para agradar. Com um estilo americano, o produto original apesar do avanço no setor de teledramaturgia do canal de Silvio Santos, contou com uma série de furos. Uma rapidez entre cenas que deixava o público tanto quanto perdido. 


É meio prematuro concluir com exatidão o resultado final da série, até porque o piloto serve para mostrar os núcleos, a "sofrência" dos personagens, os arranjos entre cada ator. Até o momento o que se estabelece em relação ao que foi ao ar, é que a série ainda precisa de ajustes. 


Como bom apreciador de séries, já presenciei estreias dos mais diversos tipos: instigantes, chatas, melosas, repletas de ação... E em todas as opções, o resultado, em resposta as dúvidas do telespectador foram elucidadas com o decorrer do seriado. "A Garota da Moto", ao que me parece, segue este mesmo estilo. Busca como intuito principal instigar o telespectador a sofrer junto com a personagem. 


Destaque para as interpretações de Christiana Ubach e Daniela Escobar, a primeira pela dedicação ao compor a personagem. Denota tristeza e empatia, tudo misturado ao sentimento de amor. Já Daniela apresentou uma mulher fria, calculista e que não mede escrúpulos para conseguir o que deseja. Um embate que promete ser muito bem explorado durante os 26 episódios. 


É louvável parabenizar os criadores e a equipe responsável, afinal de contas um produto deste porte não é lançado sempre na emissora da Anhanguera. Além do mais, a tentativa de suprir está necessidade do público que a tempos clama por uma esquete diferente para o horário, que fuja do convencional melodrama mexicano, enfim aconteceu. O que se espera agora é que a audiência corresponda, para que assim o "teste" passe a ganhar o status de fixo.  

Siga-me no Twitter: @Hiago__Junior



Aparato do Entretenimento

Criado em 2014, o "Aparato do Entretenimento" traz ao seu leitor uma gama versátil de conteúdo. Conta com colunistas especializados em áreas de atuação diferentes, que visam desta forma atender a você querido(a) leitor(a). Além da sua visita, esperamos ser seus amigos e como seremos pode nós dar aquela dica para melhorar, um puxão de orelha, elogiar. Acima de tudo queremos sua participação.


0 thoughts on “Estreia de "A Garota da Moto" mostra avanço no setor de teledramaturgia do SBT