Aparato do Entretenimento: Zap Novelas: As melhores telenovelas mexicanas exibidas pela emissora angolana
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Search

Zap Novelas: As melhores telenovelas mexicanas exibidas pela emissora angolana

Créditos: Televisa S.A

Quem é fã de novela mexicana, conhece e sonha com a chegada do canal Zap Novelas ao catálogo das TV's por assinatura brasileiras. A rede ZAP existe desde 2010 e em quase nove anos de existência já exibiu folhetins brasileiros, mexicanos, turcos, venezuelanos, colombianos e estadunidenses, com aúdio original, como no caso do Brasil ou dubladas em português.

  
Alguns dos almejos do público brasileiro, além da chegada do canal ao Brasil, seria a utilização das novelas mexicanas inéditas e já dubladas para eventuais exibições na TV aberta brasileira através do SBT, bem como a entrada, agora no TLN Network disponível para assinantes da Guigo TV.


Sendo assim, preparei uma listagem singela com as melhores telenovelas já exibidas pelo ZAP Novelas, que levam ao meu critério, roteiro, atuação e produção. Vem comigo.

Enamorándome de Ramón

Créditos: Televisa S.A

Produzida por Lucero Suárez (Querida Enemiga, Las dos Caras de Ana, De que te quiero te quiero, Ringo) em 2017 para a Televisa, o folhetim é uma adaptação singela da telenovela venezuelana "Tomasa Tequiero". Protagonizada por Esmeralda Pimentel (Abismo de Pasión, La Vecina, El Color de la Pasión) e José Ron (Rebelde, La Que no Podía Amar, Cuando me Enamoro), a trama apresenta um roteiro simples, com uma pegada mais "rosa" e apresenta famílias movidas pelo amor e desgastadas pelo dinheiro.


Vino el amor

Créditos: Televisa S.A

Assinada por José Alberto Castro (Teresa, La Que No Podía Amar, Corona de Lágrimas, Rubi) o remake da novela chilena La chúcara, destaca-se pelo belo trabalho das vilãs Kimberly Dos Ramos (Grachi, Marido en alquiler, Tierra de Reyes) e Azela Robinson (Cañaveral de Pasiones, La Usurpadora, La Otra, Sortilegio). Uma trama rural bem desenhada.

 
El color de la pasión

Créditos: Televisa S.A

Uma trama densa e com um enredo obscuro. Tragédias em família, inveja, cobiça. Produzida por Roberto Gómez Fernández (La jefa del campeón, El hotel de los secretos) em 2014, é baseada em Capricho de 1993 e conta com Esmeralda Pimentel (Abismo de Pasión, La Vecina, El Color de la Pasión) e Erick Elias (Betty en NY, El hotel de los secretos, Porque el amor manda) nos papéis principais. Dividida em duas fases, a trama destaca-se pela boa dose de vilania de Nora (Ximena Romo) e Rebeca (Claudia Ramírez), além dos desfechos e cenas que culminam em desastres.


Yo no creo en los hombres

Créditos: Televisa S.A

Remake da novela homônina de 1991, o folhetim assinado por Giselle González (La Candidata, Caer en Tentación, Cuna de Lobos) foi ao ar originalmente no Las Estrellas em 2014. Nos papéis protagônicos, Adriana Louvier (Sin rastro de ti, Quiero amarte, Corona de Lágrimas) e Gabriel Soto (Sortilegio, Caer en Tentación, Un refugio para el amor). A telenovela apresenta uma mulher dócil e amável que se vê enganada pelos homens a sua volta e que passa a ter certa desconfiança e autodefesa ao abordá-los, até que certo dia conhece o amor verdadeiro.


Caer en Tentación

Créditos: Televisa S.A

Outra produção de Giselle González, foi o grande destaque da Televisa em 2017, ganhadora de dez Premios TVyNovelas e um TV Adicto Golden Awards, o folhetim apresenta as relações como eixo central, as traições entre casais. Os quatro protagonistas Silvia Navarro, Gabriel Soto, Adriana Louvier e Carlos Ferro tem suas vidas amorosas esmiuçadas após a descoberta de uma traição, que acaba culminando em um envolvimento amoroso quadrilátero. Trata-se da adaptação da novela argentina "Amar, después de amar".



La Malquerida

Créditos: Televisa S.A

Protagonizada por Victoria Ruffo (La madrastra, Abrázame muy fuerte, Simplemente María), Ariadne Díaz (Tenías que ser tú, La doble vida de Estela Carrillo, Mañana es para siempre) e Christian Meier (Doña Bárbara, La Tormenta, Zorro, la espada y la rosa), "La Malquerida" é uma produção de José Alberto Castro que alcançou uma audiência estável durante sua exibição no México. Outra trama rural, marca registrada de Castro, apresenta um triângulo amoroso entre mãe, filha e padrasto, investidas que garantem ao folhetim gás para outros acontecimentos adjacentes. 


Amar a Muerte

Créditos: Televisa S.A

Roteirizada por Leonardo Padrón (Cosita Linda, Eva Luna) para a Televisa, foi produzida pela W Studios em colaboração com Lemón Films. Produzida por Carlos Bardasano (La Piloto, La bella y las bestias, La Venganza) em 2018, foi uma das novelas mais aclamadas no Premios TVyNovelas 2019. "Amar a Muerte" é protagonizada por Angelique Boyer (Rebelde, Teresa, Lo que la vida me robó, Abismo de Pasión) e Michel Brown (Pasión de gavilanes, La querida del Centauro, Falco) e tem grande valia por abordar temas tabus, como a vida pós morte. Outro grande destaque é a abordagem LGBT na telenovela, através do romance entre as personagens das atrizes Bárbara López e Macarena Achaga.


Tres Veces Ana

Créditos: Televisa S.A

Remake do sucesso "Lazos de Amor" protagonizada por Lucero em 1995, "Tres Veces Ana" apresenta Angelique Boyer no papel de trigêmeas com personalidades e condições de vida distintas. Uma produção de Angelli Nesma Medina para a Televisa, foi exibida em 2016 pelo Las Estrellas. Um folhetim que abusa da sensualidade e da opressão de uma protagonista vilã contra suas irmãs. 


----- || ----- || -----

Espero que você tenha gostado, e amigos quero a sua lista também. Afinal de contas, qual novela exibida pela Zap Novelas você gostaria de assistir no Brasil? Deixe a resposta nos comentários. Até a próxima.


Siga-me no Twitter: @Hiago__Junior 



Aparato do Entretenimento

Criado em 2014, o "Aparato do Entretenimento" traz ao seu leitor uma gama versátil de conteúdo. Conta com colunistas especializados em áreas de atuação diferentes, que visam desta forma atender a você querido(a) leitor(a). Além da sua visita, esperamos ser seus amigos e como seremos pode nós dar aquela dica para melhorar, um puxão de orelha, elogiar. Acima de tudo queremos sua participação.


0 thoughts on “Zap Novelas: As melhores telenovelas mexicanas exibidas pela emissora angolana