Aparato do Entretenimento: CRÍTICA: "Uma Dobra No Tempo", ficção científica e muita aventura
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Search

CRÍTICA: "Uma Dobra No Tempo", ficção científica e muita aventura

Pôster promocional do filme - Créditos: Walt Disney Pictures

Uma dobra do tempo é um filme live-action americano baseado no livro de fantasia infantil A Wrinkle in Time, escrito por Madeleine L'Engle e no filme de mesmo título feito em 2003.

Créditos: Divulgação - Walt Disney Pictures

O filme conta a história dos irmãos Meg (Storm Reid) e Charles (Deric McCabe) que decidem reencontrar o pai Alex (Chris Pine), um cientista que trabalha muito tempo para o governo, mas está desaparecido desde que se envolveu em um misterioso projeto com sua mulher Kate (Gugu Mbatha-Raw). Em uma noite adentra a casa dos Murry, uma mística mulher que se denomina Senhora Queé (Reese Witherspoon), Meg fica incrédula com o que vê e ouve dessa senhora, mas não acredita em nada, na manhã seguinte, Calvin (Levi Miller), vai à casa de Meg e juntos eles vão encontrar outra senhora, desta vez, a Senhora Quem (Mindy Kaling), suas falas são frases de grandes pensadores e sempre se encaixam na situação. Pouco depois aparece a ultima senhora, a senhora Qual (Oprah Winfrey) e juntos eles embarcam em uma jornada para um desconhecido universo a procura de Alex.


aqui começa o anuncio (coloque cor branca sobre está frase)
aqui termina o anuncio (coloque tinta branca sobre essa frase)

Ficha Técnica

Titulo original
A Wrinkle in Time 
Elenco
Storm Reid
Margaret "Meg" Murry
Oprah Winfrey
Senhora Qual
Reese Witherspoon
Senhora Queé
Mindy Kaling
Senhora Quem
Deric McCabe
Charles Wallace
Levi Miller
Calvin
Zach Galifianakis
Medium Feliz
Chris Pine
Dr. Alexander "Alex" Murry
Rowan Blanchard
Veronica Kiley
Michael Peña
Red
Gugu Mbatha-Raw
Dr. Kate Murry
André Holland
Diretor Jenkins
Bellamy Young
Camazotz Woman
Daniel MacPherson
Pai do Calvin
Roteiro
Jennifer Lee
Direção
Ava DuVernay
Direção musical
Ramin Djawadi
Produtora
Walt Disney Pictures e Whitaker Entertainment
Duração
1h50min
Orçamento
100 milhões de dolares
Receita
132.675.864
Genero
Ficção científica, Aventura, Fantasia
aqui começa o anuncio (coloque cor branca sobre está frase)
aqui termina o anuncio (coloque tinta branca sobre essa frase)
O que achei?



O filme é muito bem produzido, paisagens em chroma key lindíssimas, os personagens são ricos e bem interessantes. Storm Reid estava entregue ao papel de Meg, grande acerto sua escalação, a atriz imprime o drama necessário que cabe a personagem, Levi Muller fez um Calvin cativante e ao mesmo tempo sofrido, pelas diversas brigas que tinha com o pai, o que dizer de Mindy Kaling, Oprah Winfrey e Reese Witherspoon? Perfeitas, cada uma naquilo que a personagem pedia, eu, particularmente gostei mais da personagem da Oprah, centrada, séria e ao mesmo tempo cativante, Reese preencheu a cota comédia do filme ao lado de Zach Galifianakis, Chris Pine apareceu menos do que eu esperava, mas nas cenas que apareceu me agradou bastante, em especial na cena do reencontro dele com a filha, emocionante. Mas sem duvidas o grande nome do filme é o de Deric McCabe, sua intepretação como Charles Wallace beira a perfeição, só achei desnecessárias umas caras e bocas que ele fez em determinadas cenas, mas é uma criança, então da para relevar. Senti falta da presença de Rowan Blanchard, aparece em pouquíssimas cenas, uma pena. O desfecho do filme, achei que iria ser melhor, infelizmente não foi, mas, deixou em aberto a possibilidade de que possa ter uma parte dois, afinal muitas perguntas ficaram sem resposta. O filme também nós deixa várias frases que fazem a gente pensar, compartilho com vocês três delas, ditas por cada uma das senhoras.

Créditos - Divulgação: Walt Disney Pictures

Créditos - Divulgação: Walt Disney Pictures

Créditos - Divulgação: Walt Disney Pictures
aqui começa o anuncio (coloque cor branca sobre está frase)
aqui termina o anuncio (coloque tinta branca sobre essa frase)
Curiosidades



↪ O filme trás em seu elenco secundário Rowan Blanchard, a Riley Matthews de Girl Meets World, ela interpreta Veronica, inimiga e vizinha de Meg;
↪ Algumas cenas do filme foram filmadas na Nova Zelândia;
↪ A revista Variety informou que Oprah Winfrey entrou em negociações para o filme em 26 de julho de 2016;
↪ Com uma longa carreira, Oprah Winfrey afirmou "Trabalhar em Uma Dobra no Tempo foi uma das melhores experiências da minha carreira. Eu amo a visão de Ava de que este é um filme sobre mulheres jovens, pessoas que querem dar um passo à frente e serem guerreiras."
    ↪ Reese Witherspoon e Chris Pine aceitaram fazer parte do filme por achar a história interessante;

    ↪ A roteirista do filme, Jennifer Lee, é a mesma de grandes sucessos da Disney como Frozen e Zootopia;

    ↪ O álbum de Uma dobra no tempo, disponível no Spotify, é composto de 7 músicas originais e diversas regravações;

    ↪ Dentre as músicas originais que compõe o álbum podemos destacar: “Magic” da Sia e “I Believe" do DJ Khaled feat Demi Lovato.


    ----------------------------

    E você, curtiu o filme? Conta pra gente! Não se acanhe, deixe seu parecer nos comentários.


    -----------------------------


    Escrito por: @LeandroMartyns1
    Revisão: @Hiago__Junior 



    Aparato do Entretenimento

    Criado em 2014, o "Aparato do Entretenimento" traz ao seu leitor uma gama versátil de conteúdo. Conta com colunistas especializados em áreas de atuação diferentes, que visam desta forma atender a você querido(a) leitor(a). Além da sua visita, esperamos ser seus amigos e como seremos pode nós dar aquela dica para melhorar, um puxão de orelha, elogiar. Acima de tudo queremos sua participação.


    0 thoughts on “CRÍTICA: "Uma Dobra No Tempo", ficção científica e muita aventura