Aparato do Entretenimento: REVIEW: "Love In Sadness" - Um drama intenso, forte e asfixiante
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Search

REVIEW: "Love In Sadness" - Um drama intenso, forte e asfixiante


Banner Love In Sadness - Créditos: Divulgação - MBC

Love In Sadness, em português, Amor na Tristeza, é um melodrama sul-coreano da MBC, baseado no drama de 1999 da TBS, Beautiful Person de Shinji Nojima, protagonizado por Ji Hyun-woo, Park Han-byul, Ryu Soo-young e Wang Bit-na.

Um dos posteres do drama - Créditos: Divulgação - MBC

Ao olhar de todo Kang In-wook (Ryu Soo-young) é o marido perfeito e sem defeitos, um verdadeiro hino como dizemos na internet, mas se engana muito quem pensa isso, Kang é extremamente obsessivo e lunático com a esposa Yoon Ma-ri (Park Ha-na), agredindo-a de toda maneira, seja fisicamente, verbalmente ou psicologicamente. 


  




Quando Ma-ri chega ao seu limite, decide arrumar uma maneira de fugir do marido, mas como? Mudando seu rosto, pois assim ele não poderá mais encontrá-la. Com essa ideia em mente, foge de casa, procura um cirurgião ético e renomado Ji Hyun-woo (Seo Jung-won) que depois de ver sua situação decide fazer a operação. Também forja a morte da antiga Ma-ri, fazendo que o marido pense que a mesma se suicidou no mar e surge assim o novo rosto de Yoon Ma-ri (Park Han-byul).

Ma-ri antes e após a cirurgia – Créditos: Divulgação - MBC

Mas, ao invés de fazer isso e ir pra longe, a mulher segue na mesma cidade do marido e começa a se envolver e apaixonar pelo cirurgião e ele por ela, a história vai se desenrolando em cima deste clímax e a cada novo episódio a tensão toma conta. 

Comecei a ver esse drama por conta dos temas, eles ainda são bem tabus na Coreia, tocaram muito bem no assunto, a obsessão que o marido tem pela protagonista é doentia, abusiva, nojenta, assistia ao drama falando, não me controlava em algumas cenas, falava mal demais do homem, não só ele, a protagonista também, a chamava de burra, como foi em determinadas situações, a mesma coisa vale pro médico, já a melhor amiga dele, Joo Hae-ra (Wang Bit-na), foi uma grande surpresa, começou apaixonada pelo amigo, foi se transformando, chegou até a negociar com o marido agressor da Ma-ri, mas quando viu que a maré ia ferrá-la, passou a agir com sororidade perante a protagonista, uma evolução e tanto.





Algumas das diversas formas de violência contra a mulher foram retratadas no drama, e bem retratadas por sinal:

1. Violência física: In-wook sempre agredia Ma-ri por todo corpo, menos o seu rosto, pois é a parte que ela mais gosta e não queria acabar com a beleza dela com marcas.

2. Violência psicológica: In-wook sempre gritava com Ma-ri,, intimidava, manipulava, usando a mãe dela como objeto, isolamento, humilhação, chantagem e assim vai.

3. Violência sexual: no drama não aparece explicitamente essas cenas, mas fica subentendido em algumas delas que houve.

Dentre outras coisas que aconteceram nos episódios, como uma agressão física na Hae-ra, fake news contra o Jung-woo, além do próprio In-wook sofrer com os abusos do pai, que é tão lixo quanto ele ou até mais.

No quesito atuação, não tenho nada a reclamar, os quatro protagonistas deram um show a parte, Park Han-buyl incorporou muito bem o papel de uma mulher totalmente sem perspectiva de vida, assustada e totalmente destruída emocionalmente, Ji Hyun-woo também se destacou muito, seu médico extremamente atormentado e ao mesmo tempo apaixonado foi um show a parte, assim como Wang Bit-na, soube e tinha tudo pra ser uma personagem pelo qual o público tomaria ranço, mas não, acabamos gostando dela em várias situações, mas, pra mim o grande e maior destaque desse drama atende pelo nome de Ryu Soo-young, que ator, que expressividade facial tem, sabíamos exatamente o que ele queria passar em determinadas cenas sem dizer absolutamente uma palavra, certamente esse personagem ficará na minha memória por algum tempo, não só pelo ranço, como também pela forma esplêndida de interpretação.

Ryu Soo-young como Kang In-wook – Créditos: Divulgação: HanCinema

Trailer - Love In Sadness




Ficha Técnica


Título original
슬플 사랑한다
Elenco
Park Han-byul
Yoon Ma-ri, após a cirurgia e Woo Ha-Kyung
Ji Hyun-woo
Seo Jung-won
Ryu Soo-young
Kang In-wook
Wang Bit-na
Joo Hae-ra
Moon Hee-kyung
Lim Yeon-hwa
Go Joo-won
Ha Seong-ho
Kim Yeong-ryeong
Lee Kyung-hee
Kim Yun-joo
Choi Woo-sun
Jeong Won-jung
Kang Il-guk
Kook Jung-sook
Moon Hye-sook
Jung Sung-hoon
Kang In-sang
Kang Sung-wook
Secretário Kim
Go Woo-ri
Oh Cheol-young
Heo Eun-jeong
Eun Jung
Park Ha-na
Yoon Ma-ri, antes da cirurgia
Hwang Jung-in
Park Na-yeon
Park Sang Shin
Kim Bong-woo
Roteiro
Song Jung-rim
Direção
Choi Yi-sub e Yoo Beom-sang
Número de Episódios
40 (20 de 50 minutos)
Produtoras
DK E&M
Duração
30 minutos aproximadamente
Emissora
MBC
Período de Exibição
13 de fevereiro de 2019 até 27 de abril de 2019
Gênero
Melodrama





O drama pode ser encontrado no Viki

Deixo com vocês uma das músicas da OST de Love In Sadness.


Stay With Me

-------------------
E você, curtiu o drama ou dropou? Conta pra gente! Deixe seu parecer nos comentários.

-------------------
Siga-me no Twitter: @LeandroMartyns1 



Aparato do Entretenimento

Criado em 2014, o "Aparato do Entretenimento" traz ao seu leitor uma gama versátil de conteúdo. Conta com colunistas especializados em áreas de atuação diferentes, que visam desta forma atender a você querido(a) leitor(a). Além da sua visita, esperamos ser seus amigos e como seremos pode nós dar aquela dica para melhorar, um puxão de orelha, elogiar. Acima de tudo queremos sua participação.


0 thoughts on “REVIEW: "Love In Sadness" - Um drama intenso, forte e asfixiante