Aparato do Entretenimento: #BelaRecatadaEDoLar: Meu namorado é gay! E agora?

style='border:none;overflow:hidden;width:339px;height:200px;'>
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Search

#BelaRecatadaEDoLar: Meu namorado é gay! E agora?


Descobri que meu parceiro de vários anos, na verdade é gay. 
Como sobreviver a isso?

Por: Daniele Moura

Olá amoras. 

Uma leitora me pediu para falar sobre um tema delicado. "O que fazer quando você descobre que o seu grande amor é homossexual? Como superar isso?". 

Difícil falar sobre algo que você não sentiu, mas vou tentar imaginar a situação. Dos dois lados. Descobrir que o homem ou a mulher com quem você fez planos e talvez tenha passado anos junto é na verdade homossexual realmente não deve ser fácil. Afinal você o ama, queria talvez casar, ter filhos. Se é que já não fez isso. 

Dizer que eu não ficaria muito decepcionada seria hipocrisia de minha parte, pois se eu estou com uma pessoa é claro que eu espero que ela sinta atração por mim. 

Como superar essa revelação? 

Você certamente está se sentindo traída ou menosprezada. Amora! Não se sinta assim de jeito nenhum! Eu vejo da seguinte maneira: "Se sinta especial. Muito especial"

Cara de verdade, se seu parceiro é homossexual e mesmo assim tentou ter uma relação hétero e você foi a escolhida... Pode ter certeza de que você tem algo especial. [Tirando seu sofrimento, que não menosprezo, de maneira nenhuma]. 

Você ja parou para pensar o quanto deve ter sido difícil para seu parceiro dizer a você que é homossexual? Já parou para pensar que a única pessoa nessa relação que será julgada é ele (a). 

Infelizmente o preconceito existe. Por mais conquistas que a classe LGBT teve durante seus anos de luta, o preconceito ainda existe. Digo mais. Existe ódio. A intolerância chega a extremos de assassinatos. 

Pois é. Difícil ? E se fosse ao contrário? E se você revelasse sua homossexualidade, querida amora? Claro que uma relação deve ser baseada na verdade, mas a sociedade ainda impõe algumas normas. 

Conheço muitas pessoas que passam uma vida inteira se escondendo, fingindo ser o que não é, se policiando o tempo todo para não dar "pinta" pois o pai tem orgulho do filho "machão e pegador". Ou aquela mãe que tem muito orgulho do genro e dos netos que a filha vai dar a ela. 

Porque estou dizendo tudo isso? 

Mulheeerrrr.... vai em frente. Levanta essa sua cabeça e siga orgulhosa de ti. Não há nada errado com você, nem com seu parceiro. Vocês apenas tem preferências sexuais incompatíveis. Não se sinta mal por isso. 

Toda relação tem altos e baixos. Nenhuma relação seja ela hétero ou homossexual é perfeita. Você ficou triste, você ficou chateada, você esbravejou e chorou? Sim? Então agora chega. Levanta daí, penteia esse cabelo, passa uma make, se você é de make! E vai. Segue em frente amora! 

Não deu certo com ele? Ótimo também. Que venha o próximo né more? E o melhor de tudo, se alguém vier tentar te consolar, não deixa não. Você não precisa. Lembra que você é tão especial e DELÍCIA que até um homossexual quis você. 

Beijinho no ombro dos recalcados [risos]. E quanto ao amor tem uma frase que gosto muito que é mais ou menos assim "Você só descobre o que é o amor quando a felicidade do ser amado é mais importante do que a sua, e para isso você abre mão de ser feliz ao lado dele para que isso aconteça"

Se você o ama, deseje de todo coração que ele seja feliz, mesmo que não seja ao seu lado. E perdoe. Não por ele ser homossexual. Perdoe, pois de alguma maneira, a sinceridade reinou. 

Vai em frente, se joga na pista da vida e não deixa isso ofuscar seu brilho.

#You'llSurvive 

Beijos Amoras! 

Não vá embora ainda, se solte com a coletânea!



Siga-me no Twitter: @dannydemoura



Aparato do Entretenimento

Criado em 2014, o "Aparato do Entretenimento" traz ao seu leitor uma gama versátil de conteúdo. Conta com colunistas especializados em áreas de atuação diferentes, que visam desta forma atender a você querido(a) leitor(a). Além da sua visita, esperamos ser seus amigos e como seremos pode nós dar aquela dica para melhorar, um puxão de orelha, elogiar. Acima de tudo queremos sua participação.


0 thoughts on “#BelaRecatadaEDoLar: Meu namorado é gay! E agora?