ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Search

Que medo que nada: Os 30 filmes de terror mais marcantes de todos os tempos

Personagens icônicos do cinema de terror 

Se existe um gênero da sétima arte que causa asco ou paixão este é o terror. Vulgarmente associado a gritos, sangue, assombrações… Garantiram seu lugar ao sol com o passar dos anos. Hoje, se fizermos um retrospecto, o nicho de horror já concentra grande parte do retorno bilionário da indústria hollywoodiana. Porém, este advento só pode tornar-se realidade graças a algumas películas do passado, que garantiram franquias e personagens marcantes. O #EmEquipe de hoje apresenta os 30 filmes de terror mais marcantes de todos os tempos [segundo a nossa equipe, ok].

⇸⇷⇸⇷⇸⇷⇸⇷⇹⇷⇸⇹⇸⇷⇹⇹⇸⇸⇷ aqui começa o anuncio (coloque cor branca sobre está frase)
aqui termina o anuncio (coloque tinta branca sobre essa frase)
1 - #OExorcista 

Este não pode faltar. Clássico do cinema de horror que completou recentemente 44 anos de vida. “O Exorcista” retrata o poderio do mal sobre uma família, um demônio que se apodera de uma criança inocente. Muito vômito na tela, gritos, cabeças girando e suicídios. Vale a pena. 



2 - #Psicose 

Os serial killers sempre existiram, desde os primórdios da criação humana, mas sua notoriedade tornou-se mais evidente no final dos anos 60 quando a onda de crimes em série aumentou consideravelmente. É nesta década que surge um dos clássicos de terror mais promissores de todos os tempos - “Psicose” - a estória de Norman Bates, um jovem com um interesse em taxidermia que passa a matar suas vítimas a sangue frio.



3 - #OExorcismoDeEmilyRose 

Quem curte estudos de psicanálise, mente humana e teorias religiosas: “O Exorcismo de Emily Rose” é um prato ideal. Baseado em fatos, a trama mostra a história de Emily, uma religiosa voraz que é surpreendida pelo mal em sua vida. Possessão ou doença mental? Um julgamento que coloca em cheque as diferenças. 



4 - #OMassacreDaSerraElétrica 

Desde que me entendo por filmes de terror sempre quis saber uma coisa sobre este filme: Como que fez tanto sucesso? E enfim, encontrei a resposta: a história e a forma como o filme foi realizada. Afinal, não é todo dia que vemos um filme que teve um orçamento de apenas 300 mil dólares se tornar um grande sucesso. E se você for passar por algum cemitério no Texas e desconfiar de algo, pode encarnar Sally Hardesty e correr muito.



5 - #HorrorEmAmityville 

Amo de paixão. Cinema de horror com nuances de assombração e possessões, uma releitura de um caso verídico que aconteceu em uma pequena vila da cidade de Nova York. Uma família brutalmente assassinada e posteriormente uma mansão mal assombrada. Olha é pra assistir com a luz acesa. 



6 - #AMorteDoDemônio 

Sede de sangue, mutilações, olhos esbugalhados e vômito jorrando na tela do telespectador cinéfilo. E desta maneira que “A Morte do Demônio” se apresenta. Um filme de terror que não tem barreiras, assusta e te dá nojo. Sem falar na alta carga de suspense que o filme aplica.



7 - #OAlbergue 

Se você já viu ou conhece a história deste filme tenho certeza que não gostaria de estar na pele dos estudantes americanos Josh e Braxton. E sinceramente, é um dos meus filmes favoritos. É tanto sangue que sua tela chega a vazar sangue por todos os lados. E pode ter certeza, quem tem estômago fraco, não conseguirá assistir até o final diante de tanta mutilação. Eli Roth tava inspirado quando dirigiu... 



8 - #ABruxaDeBlair 

Documentário ou filme de terror? Falso ou verídico? Muito se especula até hoje sobre “A Bruxa de Blair”. O que não questionam é o empenho da equipe em criar algo tão assustador. Dá realmente medo. Impossível não se colocar no lugar daqueles jovens, sentir seus medos, coração na boca e barriga dura igual pedra. O medo exala pelo ar através das lentes dos diretores Daniel Myrick e Eduardo Sanchez. 



9 - #BrinquedoAssassino 

Meu sonho de criança era ter uma coleção de brinquedos, aliás, praticamente toda criança já pensou ou agiu igual. Mas imagine você certo dia ser surpreendido pelo seu brinquedo andando e tentando lhe matar? Dá até uma taquicardia. Socorro. A premissa de “Boneco Assassino” clássico do "Cinema em Casa" do SBT é justamente essa - matar as crianças de medo.



10 - #AHoraDoPesadelo 

Um verdadeiro clássico do terror dos anos oitenta certamente não pode ficar de fora da lista. “A Hora do Pesadelo” marcou uma geração com Freddy Krueger, o terror do sono. Quem fosse dormir, corria o sério risco de jamais acordar. 



11 - #Sexta-Feira13 

O acampamento “Crystal Lake” lhe soa algo familiar? Pois então, Alice sabe muito bem. E junto de Bill, Brenda, Marcie, Jack e Ned, foram passar horas e mais horas de puro terror e muita morte. O sangue corre solto através de Jason Voorhees.



12 - #InvocaçãoDoMal 

James Wan nunca causou tantos sustos em um filme como em “Invocação do Mal”. Ali tudo conspira a favor: a trama, o roteiro, a trilha sonora e principalmente a interpretação convincente de Vera Farmiga e Patrick Wilson. Outro fator meramente favorável é no quesito veracidade - a película - é real; claro que com uma boa dose de truques de cinema e engana público, mas é uma história verídica. Preciso até rever esse hino de filme. 



13 - #OIluminado 

Que o Stephen King sabe escrever histórias de suspense e terror, disso nós não temos dúvidas. E como é de costume, ele não deixou a desejar em seu livro “O Iluminado”. E através das mãos de Stanley Kubrick, o livro virou filme e se tornou mais um clássico do terror. Jack se tornou de um alcoólico em fase de reabilitação para um psicopata que tenta matar mulher e filho, influenciado por uma força sobrenatural. 



14 - #Poltergeist 

Quem nunca ouviu a expressão: “Essa casa tem um Poltergeist”? Meu caro veja bem, este é o filme que assustou uma geração. Levou vários ao cinema e colocou tantos outros para correr então ao assistir, saiba: sua casa terá um poltergeist [risos]. Tobe Hooper e Steven Spielberg podem se orgulhar dessa obra, afinal de contas, ela assusta e filme de terror sem assustar, não é nada. 



15 - #ViolênciaGratuita 

Olha, sinceramente tenho uma raiva de outro mundo por este filme. Não pela direção ou algo do tipo, mas sim pelos seus acontecimentos. Tamanho asco correlacionam-se com o enredo da película. Jovens que sem mais nem menos decidem brincar com a vida de uma família que vai passar férias. Olha é tão real e angustiante que dá uma raiva sub humana.


aqui começa o anuncio (coloque cor branca sobre está frase)
aqui termina o anuncio (coloque tinta branca sobre essa frase)
16- #AVoltaDosMortos-Vivos 

Um verdadeiro clássico do “Cinema em Casa” no SBT onde em Louisville um tambor chamado 245Toxina é aberto e traz ao mundo dos vivos um cadáver em decomposição. E este tambor continha um gás especial para trazer os cadáveres. E para piorar (ou melhorar, dependendo do ponto de vista), o gás se espalha pelo cemitério, onde centenas de cadáveres voltam para espalhar o terror. 



17 - #HalloweenANoiteDoTerror 

Um dos vilões mais completos de todo cinema de horror e o filme que alavancou de vez a carreira da atriz Jamie Lee Curtis - este é “Halloween- A Noite Do Terror”. O psicopata Michael Myers tem um passado sombrio, uma vida repleta de perdas e crises. O típico serial killer. Vê na figura feminina uma ode a tudo que odeia na mãe, matou a irmã e desde então vive enclausurado em uma cela, mas tudo muda com a sua fuga e uma visita repentina a sua cidade natal… 



18 - #SemSaída 

Se “Violência Gratuita” já causa asco imagina então “Sem Saída”. É uma corrida contra a vida. Um casal que vai passar um final de semana em uma floresta, acampar e partilhar do lago da cidade [algo bem romântico, né?]. Mas neste meio tempo uma horda de adolescentes inconsequentes acabam surgindo no caminho. Atos fúteis que mancham a tela de sangue. Coração até dispara mais forte. 



20 - #OsOutros 

Cinema americano com um tempero latino. Cria dos anos 2000, tem Nicole Kidman no elenco dando vida a mãe zelosa que protege os filhos infelizes que não podem ter contato com a luz solar. Rodeado de segredos, sustos e aparições, possui um desfecho bem improvável e que instiga o público a um “quero mais”. 



21 - #HushAMorteOuve 

Lançado em 2016 o filme narra a estória de Maddie Toung uma autora de livros que vive isolada em uma casa no meio da floresta. Destinada a terminar seu romance, ela se vê obrigada a não receber amigos e familiares para somente assim conseguir terminar seu trabalho. O que ela não esperava era a presença de um assassino que vê nela a possibilidade de realizar seus planos sádicos. Detalhe: a protagonista é deficiente auditiva, o que torna a produção ainda mais repleta de detalhes.



22 - #Sobrenatural 

Olha ele aqui de novo. Quem? Ele, o querido do cinema de assombro: James Wan. Agora o filme da vez é “Sobrenatural”. Seguindo a linha de “Invocação do Mal” o produto apresenta uma família a beira da loucura, mansão mal assombrada, espíritos inumanos, situações sombrias e a luta pela “cura”. Destaque novamente para Patrick Wilson que dá vida ao protagonista Josh.



23 - #AÓrfã 

Pensem em um filme totalmente insano, onde uma “menina” de 9 anos se passa por uma garota boazinha diante de seus pais adotivos, mas que pelas costas era o verdadeiro demônio de 33 anos! Uma história cativante 😍. 



24 - #DoceVingança 

Mais um filme que você pode vomitar tudo que comeu antes. Jennifer Hills saiu de sua cidade e foi para uma cabana na floresta na qual busca inspiração para escrever um novo livro. E o que aconteceu com ela se encaixa perfeitamente em um livro. A moça foi estuprada por quatro homens e que depois tentam matá-la, mas o que eles não esperavam é que Jennifer voltaria para se vingar, um por um. Sangue é o que não falta. Até uma espingarda colocada em um lugar muito desconfortável como brinde aparece.



25 - #NoCairDaNoite 

Quem nunca teve medo de contos de fadas? Pois bem, “No Cair da Noite” é basicamente isso. A fábula da Fada dos Dentes porém de modo nada convencional. Caros, se você tem medo do escuro é bem possível que após esse filme, sua fobia aumentará.



26 - #MadrugadaDosMortos 

Sei que você já deve ter assistido, afinal de contas, “Madrugada dos Mortos” foi a grande aposta da Record na TV aberta. Uma mistura de The Walking Dead com The Last of Us, o filme mostra a propagação de um vírus que transforma seres humanos em zumbis. Refilmagem do clássico “O Despertar dos Mortos” de 1978. 



27 - #OBebêDeRosemary 

Esse dá até medo só de pensar nas histórias de bastidores. [Sinal da cruz]. Uma das películas de horror mais aclamadas de todos os tempos, amigos, ela te assusta só pelo título. Um bebê? Rosemary? Mas e o pai? Olha, queira nem saber, aliás, queiram sim. É tenso demais.



28 - #Mama 

Apesar da crítica especializada “Mama” é um filme com alta carga de terror e suspense. A direção de Andy Muschietti soube imprimir claramente takes de assombro e situações que remetem a um “ataque cardíaco cinéfilo”. A entidade invisível, Mama, perambula pelos cômodos e mata aos poucos a família. O desejo mesmo é ser mãe. 



29 - #Caso39 

Renée Zellweger, Ian McShane e Bradley Cooper ambos dirigidos pelo talentoso Christian Alvart, não podia ser ruim. “Caso 39” mostra Renée como uma assistente social que tem a missão de proteger Lilith, uma jovem garota agredida pelos pais, mas à medida em que vai se afeiçoando a menina, descobre no fundo que os pais não estavam tão errados. 



30 - #ItACoisa 

Muita gente tem medo do Bozo e até mesmo do Patati e Patatá, mas um ser como Pennywise, não é para meter medo e sim meter muito terror na vida de qualquer um. O “Clube dos Perdedores” é composto por Bill Denbrough e seus amigos que sofrem bullying. Eles começam a averiguar o assassinato de Georgie Denbrough, irmão mais novo de Bill. O erro já começa aí. Dando espaço para o metamorfo disfarçado de palhaço se alimentar do medo que as crianças têm. É medo demais da conta!



↭↬↫↫↬↭↬↫↪↫↬↭↬↫↪

Sugestões de filmes que não estão na lista? Deixe nos comentários. Vamos abrir um diálogo saudável.

Coluna escrita por Gabriel Vitor (@NovelasParaTS) e Hiago Júnior (@Hiago__Junior) ambos integrantes da equipe do site Aparato do Entretenimento.



Aparato do Entretenimento

Criado em 2014, o "Aparato do Entretenimento" traz ao seu leitor uma gama versátil de conteúdo. Conta com colunistas especializados em áreas de atuação diferentes, que visam desta forma atender a você querido(a) leitor(a). Além da sua visita, esperamos ser seus amigos e como seremos pode nós dar aquela dica para melhorar, um puxão de orelha, elogiar. Acima de tudo queremos sua participação.


0 thoughts on “Que medo que nada: Os 30 filmes de terror mais marcantes de todos os tempos