Aparato do Entretenimento: Semana no Cinema

style='border:none;overflow:hidden;width:339px;height:200px;'>
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Search

Semana no Cinema


Sentiram falta das minhas dicas de filmes amigos? Saibam que eu estava com saudades já. Foi pensando nisso que resolvi lhes trazer mais uma edição da "Semana no Cinema". Vamos lá. Sigam-me os bons!


Sou fã dos filmes com temáticas de suspense e terror, visto isso, esta semana apostei plenamente neste quesito. Espero que gostem.


Clique em play e escute a música enquanto lê. 
                                                                                            
 

O primeiro filme que assisti foi "A última casa da rua". 

Apresentação:

Lançamento: 7 de Dezembro de 2012
Gênero: Terror/Suspense/Thriller
Origem: Canadá
Distribuição: Paris Filmes
Duração: 101 minutos
Direção: Mark Tonderai
Elenco: 
* Jennifer Lawrence;
* Max Thieriot;
* Elisabeth Shue;
* Gil Bellows;
* Nolan Gerard Funk;
* Allie MacDonald;
E outros
Merece: ★★★★★
Parecer:
Foi uma surpresa e tanto para mim, esperava bem menos do filme. Fui presenteado com um suspense inigualável, além de uma estória plausível e altamente convincente. 
Sinopse: 

Uma adolescente (Jennifer Lawrence) se muda com sua mãe (Elisabeth Shue) para uma nova cidade e descobre que a casa vizinha foi a cena do crime de um duplo assassinato. A situação se complica quando a adolescente faz amizade com o único sobrevivente do massacre (Max Thieriot).

Crítica:

Como disse anteriormente o filme foi uma surpresa para mim. As atuações são ótimas, o destaque fica a cargo de Jennifer Lawrence, que soube compor uma mocinha com mistos de covardia e selvageria ao mesmo tempo. O vilão do filme vivido pelo ator Max Thieriot, mostra uma sutileza que não via a tempos em outros "colegas de trabalho". A trama é bem desenvolvida, o roteiro impecável e a direção de Mark Tonderai foi superada em comparação a outros filmes dirigidos por ele, como "Perseguição Implacável". Não vi aspectos negativos neste filme, alguns poderão achá-lo um tanto ocioso, fora essa ressalva o filme é uma ótima pedida para o fim de semana com os amigos.

Acompanhe o trailer e tire suas conclusões: 
                                                                                            
 
                                                                                            
                                                                                           
Apresentação: Acorrentados 

Lançamento: 2012
Gênero: Terror/Suspense/Thriller
Origem: Estados Unidos
Distribuição: Europa Filmes
Duração: 94 minutos
Direção: Jennifer Chambers Lynch
Elenco:
* Eamon Farren;
* Vincent D'Onofrio;
* Amy Matysio;
* Conor Leslie;
* Gina Philips;
* Jake Weber; 
* Evan Bird;
E outros.
Merece: ★★★★★
Parecer:
Logo no começo do filme pensei "Que filme parado e tosco, porque será que o estou vendo?". Mas nos instantes seguintes deparei-me com uma atmosfera incrivelmente fantástica para o que eu acreditava ser o clímax. Pensei, novamente comigo "Só mais alguns minutos caso eu não goste, desligo".  Claro que isso não aconteceu!
Sinopse:

Sara e seu filho de oito anos, Tim, pegam um taxi dirigido por Bob, um motorista perturbado que está em busca da sua próxima vítima. Tim presencia então, pela primeira vez na vida, um assassinato: O de sua mãe. Mas este não é o último. Mantido preso, ele é forçado a limpar e enterrar os corpos das jovens mulheres que Bob leva para casa. Agora já um adolescente, Tim precisa escolher entre seguir os passos de Bob, ou tentar escapar de seu raptor.

Crítica:

Se pode haver um erro neste filme é o seu título Acorrentados no plural, visto que no filme há apenas uma pessoa acorrentada. O que falar deste filme? A direção da Jennifer é espetacular, a fotografia é linda, além do roteiro dispor de uma bela trama. O baixo orçamento e os problemas enfrentados durante a gravação não conseguiram abalar, ao contrário, resultaram em um produto de extrema qualidade. Por se tratar de um filme baseados em fatos reais, ele traz nuances bem realistas e foge do marasmo encontrado nos filmes que retratam o trabalho dos assassinos em série. Com uma proposta diversificada, a diretora, nos apresenta um cidadão comum, que pratica crimes comuns, longe daquele surrealismo que Hollywood divulga. Destaque também para a distribuição das fases de crescimento do garoto Tim (Evan Bird/Eamon Farren) no tempo em que ele permanece sob o domínio do psicopata Bob (Vincent D'Onofrio). As atuações são boas, em especial Eamon Farren, mas principalmente ao renomado ator Vincent D'Onofrio por saber desenvolver sem rodeios um serial killer ao mesmo tempo frio, empático, amoroso e vívido. De tão real, o filme foi proibido em alguns países por exprimir a violência e o sexo. Por conta disso, ele foi lançado em DVD, com cortes. Sua versão integral aborda e retrata com naturalidade e crueldade as ações de um serial killer com suas vítimas. O desfecho é surpreendente.

Acompanhe o trailer e tire suas conclusões: 
                                                                                             
 

Bom é isso amigos, espero que tenham gostado. Até a próxima edição.


Gostou? Comente. Não gostou? Comente também. O importante é expressar sua opinião.

Siga a equipe do Aparato no twitter:


@Hjms_QuimTv

@Felipe_Souz4

@Hjms_QuimTv


Por: @Hjms_QuimTv



Aparato do Entretenimento

Criado em 2014, o "Aparato do Entretenimento" traz ao seu leitor uma gama versátil de conteúdo. Conta com colunistas especializados em áreas de atuação diferentes, que visam desta forma atender a você querido(a) leitor(a). Além da sua visita, esperamos ser seus amigos e como seremos pode nós dar aquela dica para melhorar, um puxão de orelha, elogiar. Acima de tudo queremos sua participação.


0 thoughts on “Semana no Cinema