ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Search

#BelaRecatadaEDoLar: Me ame como eu sou... #SouGay e ainda amo você!



Olá amoras! Saudades de vocês! Como vocês me pediram, hoje vou abordar um tema que ainda gera polêmica e tabu. A homossexualidade e como dizer a família.

Creio que muitas são as preocupações quando se decide contar ou não a família sobre a sexualidade, ou apresentar o parceiro (a). A questão da religião, ou a maneira como os pais foram criados, como eles irão reagir.

Penso que por mais difíceis que sejam as razões que te levam a não contar, os motivos que te fazem mentir e se esconder são ainda mais perigosos. Sabe porque?

Ao esconder de seus familiares, você precisa fingir. E cá entre nós, fingir ser o que não é deve ser mega cansativo né?! Além do que, mentir e se esconder só vai causar sofrimento. Não dá para passar a vida se escondendo.

Não vou ser hipócrita e dizer que todos os pais serão compreensivos. Não. A maioria a principio ficarão sim, chocados. Alguns mais intransigentes infelizmente se fecham para os filhos, mas há os que temem pelo filho.

Sabe o que acontece? Pais tem medo. Medo do filho sofrer, medo do preconceito e da intolerância. Medo de que ele se machuque. Nenhum pai e nenhuma mãe que ama seu filho quer que ele sofra.  Não adianta fechar os olhos e fingir que não há preconceito com homossexuais. E é esse o medo dos pais. O que o mundo cheio de ódio pode fazer.

Acima de tudo, acredito no diálogo entre pais e filhos. Pelo menos quero praticar isso, quero ser a melhor amiga do meu filho.

Então pais, por favor, sejam os melhores amigos de seus filhos, para que eles possam dividir tudo com vocês e aí juntos enfrentem o que for preciso enfrentar. Acreditem, o mundo lá fora já bate demais em quem é "diferente" dos padrões estabelecidos sabe-se lá por quem.  E se seu filho não puder te contar o que ele sente, o que ele faz, se seu filho não tiver o colo da mãe e do pai para deitar, em quem ele irá se apoiar?


Talvez sua religião diga que é pecado, e eu respeito muito a religião de todos. Mais pensem comigo um momento. Em minha convicção Deus é amor. E quer seus filhos felizes. Ele ama a todos, não importa quais os defeitos e qualidades. Mediante isso, você acha mesmo que Deus vai se agradar de que um pai e uma mãe abandonem seu filho, por que ele é homossexual? Me desculpem, isso não faria sentido.

Nossos filhos não precisam de nosso julgamento. Não precisamos buscar um "culpado por ele ser assim". Eles apenas querem saber que nós iremos estar aí quando o resto do mundo virar as costas e jogar pedras.

Pai, mãe o fato de seu filho ser homossexual não faz com que ele deixe de ser aquele serzinho que vocês esperaram por nove meses, nada mudou. Ele ainda é seu menino (a). E o fato de ele ou ela ter tido a coragem de te dizer isso, prova o quanto vocês são bons pais, que seu filho confia em vocês. Um voto de confiança.

Por favor! Não deem as costas. Homo, hétero ou trans tenho certeza que ele sempre vai amar vocês. Façam o mesmo.

#BeijosAmoras!


Quer contar sua história, me envie um e-mail 
dannydemoura@aparatodoentretenimento.com.br. Terei prazer em responder.

Siga-me no Twitter: @dannydemoura



Aparato do Entretenimento

Criado em 2014, o "Aparato do Entretenimento" traz ao seu leitor uma gama versátil de conteúdo. Conta com colunistas especializados em áreas de atuação diferentes, que visam desta forma atender a você querido(a) leitor(a). Além da sua visita, esperamos ser seus amigos e como seremos pode nós dar aquela dica para melhorar, um puxão de orelha, elogiar. Acima de tudo queremos sua participação.


0 thoughts on “#BelaRecatadaEDoLar: Me ame como eu sou... #SouGay e ainda amo você!