ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Search

O diário de segredos de Daniele Moura



Boa noite amigos, amigas e ralé. Como vocês puderam perceber fiquei algumas semanas sem contar nenhum segredo, não por uma imposição minha, até que poderia ser, mas o fato é que fui impossibilitada de continuar. A EletroPaulo cortou minha luz, só porque eu estava com um débito de míseros 2 meses. Então penhorei minhas joias de família para pagar a bendita conta da luz elétrica, porque se eu esperar pelo Raimundo... Meu marido só quer saber de comida, cachaça e afundar suas queixas neste corpo maravilhoso que eu tenho. Sinto-me usada, mas enfim, essa não é a pauta.  Voltando ao que interessa, chegou a hora de destilar meu veneno, guardado a sete chaves neste corpo reflexo das sete maravilhas do mundo. Não se esqueçam... "Meu brilho é único e não será o seu recalque que irá me desmoralizar". Eu e o quartel aprontamos muito, e chegou a hora de jogar o nome de cada uma delas na fogueira e destrinchar os segredos. 


O que era para ser um prêmio virou uma brincadeira, e agora é uma coluna. Intitulada "O Diário de Segredos de Daniele Moura" trará situações fictícias da peripécia Danny e seu quartel de amigas. Não viu a primeira edição? Então clique AQUI e leia.

______________________________________________

10 de novembro de 2014

"Para tudo, polêmica!", assim como diria a ilustre pensadora contemporânea Luciana Gimenez. Passei por um caso desse na última semana. Depois de dormir com o Raimundo seis dia na semana (descansei um dia, porque trabalha seis e folga um né? Afinal ninguém é de ferro). Pois bem, depois da minha semana libidinosa, movida a dolly e muito morango da promoção, meu fogacho diminui. E o pior é que minha menstruação não desceu, tô quase desmaiada. Será que vem mais um Moura pra completar o elenco do remake de 12 é demais? 
#CegonhaTrazMaisUmBebePraColeção  

11 de novembro de 2014

Em pleno gozo das suas faculdades mentais a Paty estava, só que mesmo assim quando ela pensava eu conseguia sentir o cheiro de motor fundindo. Até hoje fico triste ao saber das condições de criação da morena jambo do agreste. Filha de pais analfabetos, não teve instrução, aprendeu a se virar sozinha no sertão alagoano. Veio pra São Paulo tentar a sorte, mas acabou caindo na clandestinidade. Vítima do mercado do sexo fácil, acabou sendo uma das maiores aliciadoras de menores da região, até que um dia encontrou a paz na cabala. Nunca havia contado isso para ninguém, afinal a Paty é uma das minhas melhores amigas, mas infelizmente o passado dela ainda a condena. #PimentinhaDoAgreste 

12 de novembro de 2014

A Kah nunca escondeu seu desejo por homens trabalhadores, braçais. Pegava de tudo, desde que estivesse como atributo uma camiseta suada, e as calças banhadas por cimento enrijecido. Juro que até hoje não entendo essa fixação por esta categoria esquecida pelos padrões de beleza. Na última vez que encontrei com a "peridiva" ela estava se esbaldando no samba com os caminhoneiros que visitam o motelzinho barato da região. Sou puritana entendam, quando ela acenou pra mim, simplesmente a ignorei.   
#SalvaEssaAlmaSenhor

13 de novembro de 2014

Nome: Lizandra. Codinome: cachaceira, pé de pinga, ambrosia de caldo de cana, dentre tantos outros.  Depois de ter uma conversa séria com a negociadora do chupim, expulsa-la de casa e tudo mais, a safada repensou seus valores e voltou correndo. Disse-me que queria restabelecer certos laços amorosos com seu primeiro amor. O nome do amado, Cridio. Pastor da Congregação, casado e pai de dois filhos. Chegou em casa chorando pedindo conselhos, disse-me que eu era experiente, afinal estava casada a mais de 7 anos e nunca havia traído nem sequer com um vídeo pornô no Whatsapp. Ajudá-la a acabar com um casamento ia contra tudo o que eu defendia, pois o casamento é uma instituição sagrada, intocável. Mas fiquei de pensar. #ProjetoLizandraQuerCridio       

14 de novembro de 2014

O incidente da briga no postinho deu o que falar, todos comentavam sobre a passada do bacalhau original da gruta MOURA Ltda na cara da infeliz da Eli. A arte boa foi que os exames não constataram nada, e melhor a bulinadora de idosos foi afastada por tempo indeterminado. Vai ter que voltar a fazer crochê. Risadas eternas. #EliEstaDesmaiada     


15 de novembro de 2014

Havia uma onda de fajutos na minha vizinhança, entre eles a temida Tábata. Uma mulher jovem, nascida em berço cigano, conhecedora das artes das trevas. Todos tinham medo dela, no nosso último encontro ela conseguiu fazer a Lizandra voltar a ter tendências lésbicas por cerca de uma semana, apenas com um olhar. Só depois que eu consegui agendar um horário com o garoto de programa, Teddy Dotadão que tudo voltou ao normal. Realmente as pragas dela são fortes. Tengo miedo.  
#FajutaUmaVírgula  

Falei demais!

Até a próxima, fofoqueiros de plantão!

Quer mandar um beijo para alguém, pode! Mas desde que pague um "jaba". Risos.

E lembrem-se comentem sempre, lindinhos e lindinhas da titia Danny!

Por:





Aparato do Entretenimento

Criado em 2014, o "Aparato do Entretenimento" traz ao seu leitor uma gama versátil de conteúdo. Conta com colunistas especializados em áreas de atuação diferentes, que visam desta forma atender a você querido(a) leitor(a). Além da sua visita, esperamos ser seus amigos e como seremos pode nós dar aquela dica para melhorar, um puxão de orelha, elogiar. Acima de tudo queremos sua participação.


0 thoughts on “O diário de segredos de Daniele Moura